Utopias no Chile – Banho termal em Cajon del Maipo

cajondelmaipo-bonequito

Quando brotou essa promoção linda no Melhores Destinos eu estava recém saída do emprego. Era um sinal: partiu mochilão!

Pensando no roteiro para 3 dias em Santiago, os passeios para Valpo e Viña não me animaram. Sou aloka dos rolês diferentes e eu tinha tão poucos dias na capital. Bora inovar.

No Viaje na Viagem li sobre o Baño Colina em Cajon de Maipo. São termas ao pé das Cordilheras dos Andes, uma passeio de 1 dia a 150km de Santiago.

Tinha tudo para ser maravilhoso. E foi!

cajondelmaipo-prerigo

Prefiro fazer passeios por conta, mas pela logística complicada contratei o tour da Manzur Expediciones. Foi barato demais, $16.000CP(R$60), isso incluso a entrada das termas de $8.000.

Cheguei no ponto de encontro, que era bem próximo do meu hostel no bairro de Bella Vista. A van chegou e foi uma misturada de chilenos e brasileiros.

Na nossa primeira parada, em Baño Morales, desceu um casal de brasileiro que ia fazer trilha. Nisso já vejo esse aviso básico de PRE-RI-GO vulcanico. Tenso!

cajondelmaipo-morales

O caminho para as nossas termas era longo ainda. Partiu subir mais 1.500m.

cajondelmaipo-chegay

A paisagem do caminho é sensacional, umas formações rochosas bem diferentes do que costumamos ver por aqui, mesmo caindo de sono não consegui desgrudar o olho da janela.

Momento Frozen. Quando finalmente chegamos logo senti aquela ~brisa suave~ a 3.500m de altitude, estava beeem mais frio que em Santiago.

cajondelmaipo-geral

Fiquei um tempinho circulando e curtindo o visual, fotografando meu bonequito(dessa vez não foi Barbie) e tomando coragem para vestir o biquini e entrar nas piscinas.

A estrutura é bem rústica e eu adorei isso. Tem um restaurante simples, uma casinha com banheiro/ ducha para você se arrumar e as piscinas.

cajondelmaipo-piscinas

São 5 piscinas, e em cada nível uma temperatura diferente que varia de 25° a 60°C. Nem consegui entrar na mais quente, mas sempre tem uns doidos.

Dá para ver o nascente de água quente que saí direto da montanha, aquecida pelo vulcão São José.

Não lembra Pammakule, na Turquia?

cajondelmaipo-caliente
A segunda piscina é a mais disputada por causa da cachoeirinha de água fervente quente. As senhorinhas todas gentis falando para eu experimentar o jato de água. Achei que fosse mórrer~!

cajondelmaipo-casinha

cajondelmaipo-pies

O pessoal cobre todo o corpo com a lama do fundo, quando seca ela fica branquinha. Depois é só lavar e sentir a pele macia.

cajondelmaipo-topo
Tá vendo lá no meio onde estão os carros? Lá fica o restaurante logo no caminho de entrada das termas, quando você chega já escolhe o que quer e na hora do almoço está prontinho.
cajondelmaipo-pica
Idade mental: risinhos internos com o nome do estabelecimento.

Quando terminamos de comer magicamente começou a nevar and esfriar horrores, as brasileiras que estavam comigo curtiram loucamente, e eu só fiz um lerigou básico e fui me esconder.

cajondelmaipo-frozen

A neve estava linda caindo lá fora(e eu quentinha dentro da van) haha. “The cold never bother me anyway”. Culpa minha que não fui vestida dignamente pro frio.

Lá dá para fazer uma trilha subindo depois das piscinas, e no período mais quente tem passeios a cavalo.

Amei esse passeio e recomendo MUITO! É diferente de tudo que já fiz, o custo-benefício cabe em qualquer mochilão de orçamento apertado. As termas funcionam de outubro a abril, mas acho melhor aproveitar enquanto ainda está bem friozinho. Fui no final de outubro, e deu para pegar os picos salpicados de gelo.

Tem muita coisa para fazer em Cajon de Maipo,as trilhas, o Embalse el Yeso(parece sensacional) e uma galera do meu hostel voou de asa delta na região. Quem quer fugir do tradicional em Santiago, fica a dica.

3 respostas para “Utopias no Chile – Banho termal em Cajon del Maipo”

  1. O problema desse passeio se chama Manzur Expediciones!! Fui no dia 26/10 e pegamos um motorista chileno com uma cara de poucos amigos e zero palavras!! Andou o caminho inteiro conosco sem trocar uma palavra se quer, não nos disse nem que tinha um vulcão ali, se não tivesse pesquisado antes não saberia… Manzur Expediciones NÃO recomendo

Deixe uma resposta