O que aprendi com a Segunda sem Carne

Segunda-feira, dia internacional do começo de dieta. Que tal experimentar cortar a carninha também?

A Segunda sem Carne é uma campanha lançada em 2009 pelo ex-Beatle Paul e sua filha Stella McCartney, com o objetivo de incentivar as pessoas repensarem o consumo alimentar.

O Netflix está repleto de documentários discutindo o sistema de criação animal em massa. Eu tenho consciência que jamais serei vegetariana e vi na campanha a possibilidade de reduzir meu impacto nesse ciclo cruel. Como será ficar bifinho no almoço?

Aderi à pouco mais de um ano a Segunda sem Carne e aprendi que:

1 É mais fácil do que parece e dá para ficar mais dias sem

Depois de um tempo descobri que é mais simples do que parece, adorei e dobrei a meta.

Atualmente não consumo proteína animal nas segundas e quartas e penso em incluir mais um diazinho.

2 Novos sabores

A parte mais desafiadora é também a mais deliciosa da Segunda sem Carne. Explorar o mundo culinário sem proteína animal.

A primeira refeição vegetariana que fiz foi no Templo Zulai, e fiquei encantada. Comassim comida vegetariana pode ser tão boa e não se resume só a saladinha?

3 Cogumelos, primos da carne

Eles estão ali, entre o reino vegetal e animal. A Segunda sem Carne me fez amar ainda mais shimeji e shitake, ótimos substitutos quando se quer aquela textura de carne sem usar proteína de soja borrachuda, *yuck*.

4 O mundos dos orgânicos

No meio desse processo de repensar a alimentação comecei a cozinhar muito mais em casa. Sempre que possível opto por vegetais e ovos orgânicos.

O preço e variedade dos orgânicos pode ser um impeditivo de fazer a substituição completa, mas a lista de alimentos mais contaminados por agrotóxicos é um bom referencial de por onde começar.

5 Veganos…respect!

Ser vegetariano é fácil, agora ser vegano(eliminar também ovos, leite e derivados) é outra história. Esse povo merece um prêmio!

Tentei ser vegana durante as quartas mas abortei a missão, é extremamente difícil não morrer de fome a não ser que você se programe com muita antecedência.

5 coisas bacanas no Netflix #01

Uns chamam de Netflix, outros(euzinha) de mozão. A plataforma de streaming de filmes e séries nos deu a liberdade para assistir o que quiser, na hora que quiser. Isso é desesperador.

Pelo menos para mim que sofro de indecisão aguda, as vezes passo mais tempo procurando do que efetivamente assistindo algo.

Se identificou? Me abraça e vamos dar as mãos para achar os caminhos nesse labirinto torduoso de possibilidades.

De tempos em tempos vou deixar aqui dicas maneirinhas de coisas que vi e curti.

Quero indicações também! Assistiu algum? Comente o que achou!

dicas-netflix-novembro

1 Série viciante: How to get away with muder

Já aviso que não serei culpada se alguém, assim como eu, passar uns dias vivendo em função do próximo capítulo dessa série. A trama te envolve numa teia, indo e voltando no tempo, em duas tramas paralelas. Um assassinato cometido por estudantes, e os casos defendidos por Annalise.

2 Ciência maravilinda: Wonders of the Universe

Eu amo esses documentários para entender mais sobre a vida e o universo. Além de imagens da Nasa, a série mostra informações bem curiosas, sobre como civilizações e seu conhecimento astronômico. Eis que eu fico culpada por não saber nem identificar as constelações no céu.

3 Sci fi doidera: Oblivion

Eu vi no cinema, reassisti e re-reassistiria. Tom Cruise sendo Tom Cruise numa Terra foi destruida após invasão alienigena. É uma história bem maluca, com um plot twist que ninguém imagina.

4 Antigo mas atual: Os miseráveis

O filme é baseado no livro de Victor Hugo escrito há quase 150 aos, e eu enrolei 33 para assistir. No Netflix está disponível a versão músical, e tem tudo que é ator famoso cantarolando. A mensagem é forte, dá aquela tristezinha e nos faz pensar.

5 Romance não cliche: Uma garrafa no mar de gaza

Um Romeu e Julieta, sem o amor a primeira vista, sem briga de família, mas um conflito antigo. Uma francesa judia e um árabe vão aos poucos entendendo a realidade um do outro. Abordagem sutil e imparcial para um assunto delicado.

Lembrando que os filmes expiram, assista antes de irem para o além!

Parada gay de Tóquio 2015

tokyo-pride-parade-otakus2
Os arco-iro invadiram tudo o Facebook para comemorar a aprovação do casamento gay em todo território americano, mas outra conquista aconteceu também em terras mais distantes.

Esse ano, Shibuya, um distrito de Tóquio, foi a primeira região do leste asiático a realizar um casamento entre pessoas do mesmo sexo.

Essa vitória do amô coincidiu com a Tokyo Rainbow Parade, parada gay com arco-iris até no nome que reuniu 3000 pessoas em abril. Falei dessa parada lá em 2010 também.

Vamos ver o que aconteceu por lá

Japão fazendo japonisse: a parada de Tóquio tem um mascote fofucho! Tobe, o esquilo-voador-mágico.
tokyo-pride-parade-tobe

Teve símbolo religioso colorido
tokyo-pride-parade-religiao

Grandes marcas botaram a cara no sol na parada. Quero ver boicotar a Microsoft.
tokyo-pride-parade-microsoft
Ou o Google, que montou uma cabine do Youtube
tokyo-pride-paradegoogle

Também teve IBM, Lush, Gap entre outras.

Não poderiam faltar os lukis extravagantes
tokyo-pride-parade-drags

tokyo-pride-parade-gals

Os otakus

tokyo-pride-parade-otakus

As refências a cultura tradicional versão riqueza, glamour, poder e sedução.
tokyo-pride-parade-tradicional

Ou pessoas comuns, em torno de uma mesma causa. Por sinal, ainda não conheci nenhum japonês gay.
tokyo-pride-parade-casal

Apesar do Japão ser uma país mais tolerante, sem a sombra da moral católica, a cultura reservada dos japoneses faz com que essas minorias fiquem ainda mais invisíveis. A parada mostra que a comunidade LGBT está lá, se amando e lutando pelos mesmos direitos.

O amor sempre vence minha gente!

tokyo-pride-parade-xuxa

Fotos: Tokyo Fashion

Os personagens da Dreamworks no Beto Carrero World

Fiz um rolezinho no Sul do Brasil e incluiu a visita num lugar que sempre fez parte do meu imaginário infantil por causa da vinheta no SBT…o Betoooooo Carreroooooo!

O objetivo da visita foi o Dream Valley, festival de eletrônica que aconteceu no parque. O festival virou a madrugada e 3 brinquedos hardcore funcionaram. Fiz 2 dias de show e 1 dia dedicado ao parque.

Viajar, música, brinquedos, é muita coisa boa junta, e olhando o facebook do parque fiquei des-mai-a-da. Tem personagens da DreamWorks “morando” lá!
betocarrero_personagens
A parceria entre DreamWorks e Beto Carrero nasceu em 2012 e trouxe personagens dos filmes Kung Fu Panda, Shrek, Madagascar e Megamente.

Este ano foi inaugurada a área temática do Madagascar, que ficou linda por sinal. A previsão é que a próxima será do Shrek!

Meet and greet do amor

Meu trauma da Tokyo Disney foi não ter conseguido tirar foto com o Mickey, dessa vez ninguém ia escapar!

A primeira coisa que fiz no parque foi olhar no mapa e procurar o ponto onde estavam os personagens. Lá tem os horários e as visitas duram 15 minutos, com fila para fotos limitada.

Kung Fu Panda

Pensa numa pessoa que perde a maturidade assim logo de cara. Assediei mesmo, ao som de “everybody is kung fu fighting”.
betocarrero_kungfupanda

Horários: 10h00, 11h30, 13h45, 15h15
Onde: Velho Oeste, em frente ao Memorial Beto Carrero

Madagascar

O espaço temárico do filme Madagascar está super bem produzido. São 25 mil metros quadrados com brinquedo, show, área de compras e um espacinho para encontrar os personagens.
betocarrero_madagascar_entrada

Primeiro chegam o leão Alex e os pinguins, todo remexendo muito claaaro.
betocarrero_madagascar1
Pinguins! Quem for na Comic Con Experience vai encontrar eles por lá no stand da Fox para divulgar o novo filme “Os Pinguins de Madagascar” que estreia 15 de janeiro. Entre os dubladores está ninguém menos que Benedict “Shrelock” Cumberbatch.

betocarrero_pinguim

Depois de 15 minutos entram Gloria, Mort e Rei Julian, este totalmente possuído pelo ritmo ragatanga.
betocarrero_madagascar2

Horários: 10h15, 11h15, 13h00, 15h45
Onde: Mundo de Madagascar, em frente ao Crazy River

Amooo esses brinquedos que dão um banho, ainda mais no calô que estava. O Crazy River é uma corredeira que além de refrescar, tem como ponto alto o trajeto ao som de Wannabe – Spice Girls!
betocarrero_madagascar3
Com essa trilha sonora digna, você curte as cenas engraçadinhas dos personagens.
betocarrero_madagascar_crazy

O Madagascar Circus Show acontece às 14h e reproduz a história do filme. Além dos personagens do filme também tem apresentações de bmx e performances cirsenses. Tudo muito fofo mas não consegui assistir. T_T

betocarrero_circus

Shrek

Tem uma área em construção no parque que possivelmente é a atração do Shrek, ansiosa para ver o que vai ser.

Fiquei matando um tempo no carrinho bate-bate para não perder a hora de conhecer meu muso gatístico. Fui correndo para o Gato de Botas, aí o Shrek saiu meio assim com cara de vácuo hahaha.
betocarrero_shrek
Depois fui tirar casquinha do biscoito.
betocarrero_shrek2

Horários: 11h00, 12h15, 14h45
Onde: Vila germânica, na praça central.

Parada Mágica

Todos os dias às 17h a Parada Mágica parte do Zoológico e todos os personagens e artistas do parque participam.
betocarrero_megamente
O Megamente também está por lá.

betocarrero_madagascar_parada
betocarrero_shrek_parada

Adorei, parabéns ao parque pela parceria.

Quais personagens vocês gostariam de ver? E quem já foi ao parque, o que achou?

Lanches do Brasil pelos McDonald’s mundo afora

mcdonalds-worldcup-brasil

Como garantiar sorrisos e simpatia num país estrangeiro? Diz a lenda que: fale que é brasileiro. Quem chamaria um senhor japonês de ignorante só porque ele gritou Zico todo alegrinho depois de saber minha nacionalidade?

Pão e circo? Música e cinema são igualmente entrenimentos de massa. Boicote a Tropa de Elite, que recebeu incentivo do governo, assim como estádios vira dever, e frequentador do Lollapaloza vira alienado. Não.

Estou orgulhosa pelo Brasil ser sede da Copa and Olimpíadas, não só pelos gatenhos gringos que vão vir(+atoro!). Sem síndrome vira-lata e intrigas de oposição, vamos ser palco da união de continentes pelo esporte. < / desabafo >

O McDonald’s investe forte no evento, e como restaurante oficial capricha nas estratégias de marketing. Decidi viajar o mundo pelos restaurantes e ver os lanches que inventaram para representar o Brasil. Nham!

Austrália – Troféu + Exótico

mcdonalds-worldcup-australia
O “The Brazil Burger” tem feijão, tem milho, tem pimentão. Tudo junto e misturado na carne, gente. O “Rio Frozen” é nota 10 no conceito fotogenia para instagram e tem gostinho de maça verde a abacaxi.

Países muçulmanos – Alá permite

mcdonalds-worldcup-arabia
O “The Brazilian” é um sanduíche halal, ou seja dentro dos princípios do islã, que entre outros proíbe o consumo da carne de porco. Então nada de bácon, o lanche é de frango empanado com molho de pimenta assada.

Indonésia – Pimentinha básica

mcdonalds-worldcup-indonesia
Os mais corajosos encaram o “McSpicy Peri Peri” caprichado na pimenta malagueta, o combo acompanha batata com tempero de carne assada e um suquinho de goiaba pra aliviar o ardido.

Áustria – Nugéts

mcdonalds-worldcup-austria
Combo da alegria, esquece o sanduba “Samba Classic”, mas foca na “Fan Box” do amor com quase 500g friturinhas. Quero já!

Coréia do Sul – Simpáticos

mcdonalds-worldcup-coreia
Como paga-pau da Coréia do Sul sou suspeita, eles são foda. No “Samba!”, o sanduíche tem carne bovina, bacon e ” 7 camadas de vegetais, para dar um sabor brasileiro”, porque somos assim ahan. Para o café da manhã fizeram o combo “Bom dia!”. O comercial tem direito a bebê sambando e tudo.

Turquia – Moço feliz

mcdonalds-worldcup-turquia
Tem um moço feliz segurando um lanche da Turquia. Achei que era um jogador brasileiro(manjo muito ó), mas na verdade é Fernando Muslera, goleiro uruguaio que joga por lá

Uruguai – Sunday, patriota sunday

mcdonalds-worldcup-uruguai
Sem maiores surpresas sandubísticas dos nossos hermanos, me jogava sunday verde e amarelo. Comendo os dois ao mesmo tempo mesmo.

Não exportaram o vinagrete, que vai no lanche do Brasil vendido por aqui. #culpadoPT

Gostaram dos lanches? Ficaram curiosos pra provar algum? Já conferiram o cardápio da Copa do McDonald’s do Brasil?

FOME me define depois esse post.

Com lanche ou sem lanche, todos os países estão divulgando o app “McDonald’s GOL”, um jogo de realidade aumentada para ser jogada com as caixinha das batata fritas customizadas por diferentes artistas. Estou doida pra brincar com isso. XD
mcdonalds-worldcup-batata